Após meses de mistério e uma apresentação oficial que dividiu opiniões, finalmente o Nintendo Switch está entre nós. O novo console chega às lojas com uma proposta diferente da concorrência e com a dura missão de colocar a empresa “de volta nos trilhos” após o desempenho comercial decepcionante do Wii U.
Classificar o produto somente como uma plataforma de mesa ou como um portátil é difícil, visto o fato de ele unir esses dois universos aparentemente distintos.




Mais informações: TecMundo