A expressão "jogo de menino" pode estar em vias de desuso, pois segundo uma pesquisa feita App Annie (embora o site não tenha revelado os números em si), a proporção de jogadores e jogadoras em PC e mobile é praticamente 1/1. Ou seja, gamers divididos igualmente no quesito de sexos. O mesmo, entretanto, não vale para a galera dos consoles, onde os homens ainda são maioria.

A pesquisa também revelou idades dos jogadores. O público mais jovem, entre 13 e 24 anos, prefere consoles como o PlayStation 4 e o Xbox One. Os adultos dentro da faixa de 25 e 44 anos permanecem mais no celular que as outras faixas etárias. E curiosamente, o publico mais velho, acima dos 45 anos, é o que mais joga em computadores.

Outro dado interessante é que diz respeito aos gastos em games ao longo das plataformas, e este quesito inclui consoles portáteis, como o Nintendo 3DS. Segundo a pesquisa, gastos em consoles portáteis e de mesa estão caindo muito lentamente ao longo dos dois últimos anos.

Enquanto isso, os gastos com games em PCs, Macs e smartphones cresceram muito. Na verdade, 80% das compras feitas em lojas virtuais para mobile hoje são relacionadas a jogos.

A pesquisa termina constatando que não existe muita flutuação quanto ao tempo de jogo ao longo das idades ou plataformas, com exceção do PC, onde é possível achar pessoas que investem menos de 5 horas por semana jogando e pessoas que investem mais de 20 horas jogando.

Fonte



[aviso="Tópico Antigo."]Votação encerrada, tópico bloqueado.
Movido para Arquivos[/aviso]